top of page
  • Foto do escritorAlladin

A injustiça


Cartaz com os dizeres "Sem Justiça não há paz"

A injustiça?

Ela acorda comigo,

Escovo os dentes com ela.

Na mesa? Me sento do lado dela,

É a mesma que me grita pra ir almoçar.

Nos fins de tarde, jogamos dominó

E mesmo com o nó, sinto seu amigo

E ela faz a janta pra mim.

E no fim?

Ela não vai embora, ela fica aqui

E comigo em seu colo, a injustiça faz cafuné,

Esperando a hora de ir dormir.

 

Sobre o Autor:

Pernambucano, ator, produtor cultural e escritor, Luiz Alladin escreve versos desde a infância, influenciado pela família, mas entrou de cabeça mesmo na literatura quando largou a faculdade de ciências contábeis e começou a frequentar os saraus. Hoje ele se dedica em escrever seus textos e a produzir eventos culturais na região onde vive, no interior de Pernambuco, preservando espaços de cultura de resistência.

 

Revisão: Hellen Heveny (Revisa Aê)



8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Post: Blog2 Post
bottom of page