Bozolândia


Cadê o Brasil? Sumiu!

A Bozolândia o substituiu

A alegria? Ninguém mais vê!

Só do ódio estamos à mercê!


É a terra da mentira

Seu Rei é um facínora!

Joga ao povo a praga

O holocausto propaga


Nela se vive do fascismo

Demonizando o comunismo

Doutrinando o capitalismo

São servos do imperialismo!


Nela tudo é fantasia!

Seu unicórnio é a meritocracia

Aos pretos dão invisibilidade

Aos direitos humanos a iniquidade


É um Estado Teocrático

Adoram ao Deus Mercado

De Jesus fazem apropriação

Por palavras sem coração


Nela tudo é caro

A carne é um item raro

Mas os nobres banqueteiam

Enquanto os plebeus esfomeiam


É um país absolutista

Para a realeza só conquistas

Para seu povo é escravista

Abaixo ao déspota terrorista!


Sobre o Autor:

Hugo Britto, nascido em Recife no dia 15/03/1985, tem formação em Engenharia, mas é apaixonado por Literatura. Começou a escrever por razões da militância socialista, e a atividade se tornou um Hobbie. Hoje escrevo mais poesias, folhetins, Contos e ensaios (Filosofia, Sociologia).

Revisão: Karla Gama

58 visualizações9 comentários

Posts recentes

Ver tudo
 
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
  • Tumblr

©2020, Literatura Errante®, por Instituto dos Artistas Errantes.