Eu quero Paz - II

Eu quero Paz

Mas hoje em dia está difícil

E qualquer passo descuidado

Pode te levar a um precipício

Crianças choram de fome

Choram por falta de um pai

Choram por falta de uma mãe

Que o vento levou

E não volta mais

A juventude está doente

E se acovardou

Estão com medo do amanhã

Que ainda não chegou

O amanhã virá

Talvez não possa vir

Mas você não está no amanhã

Você está no hoje, você está aqui

Entre chorar e sorrir

Eu prefiro sorrir

Pois já chorei demais

Com o tanto que já sofri

A gente passa a vida inteira

Lutando por Futuro

Futuro planejado, futuro esperado

O futuro é incerto, talvez possa não chegar

A gente tem o presente

Então vamos aproveitar

Abraçar, Beijar

Quem está perto

Cuidar de quem está do nosso lado

Pois viver na solidão é um deserto

A vida é simples

Felicidade está com a gente

Mas a gente não acorda

E nem pensa diferente

Mas eu só quero paz

E se em mim ela estiver

Eu hei de encontrar

Mas infelizmente ainda não achei

E mesmo que eu a ache

Não sei se a terei

Pois o mundo é corrompido

E perturbado

O sofrimento é repetido

O futuro repete o Passado

As pessoas querem guerra

Não escolhem a paz

A verdade é que o futuro

Dessa humanidade

Não é pra frente, mas sim pra trás.

Sobre o Autor:

Clenisson Ruan dos Santos Vieira, mais conhecido por Ruan Vieira, nasceu em Aracaju e mora em Propriá, município de Sergipe. Tem 19 anos e escreve desde os 5 anos. Além de escrever poesias, também compõe e escreve contos. Participou de dois concursos de Poesia, tendo alcançado o 3° lugar e levado um troféu para casa no primeiro, e nosegundo concurso, um evento comemorativo em homenagem aos 300 anos da

Paróquia da cidade, ficou em 1° lugar. Sempre presente em sua vida, leitura e escrita é um talento cultivado em família, e seu pai também escreve.

Posts recentes

Ver tudo

Decisões

E quando decidimos mergulhar a cabeça na areia pra ver tudo cor de rosa? Tantas desculpas pra não assumir seu roteiro, Desculpas que se pode até engolir sem farinha não faltam, que grande decisão! Dev

 
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

©2020, Literatura Errante®, por Instituto dos Artistas Errantes.