Toda


Ela é toda carnaval

Com seu sorriso envolvente e olhar resplandecente

Que iluminam o seu rosto, tornando-a ainda mais bela.


O seu amor pela vida é visceral,

E sua gratidão por cada momento é evidente

Na leveza do vento o seu corpo se entrega,

De olhos fechados e peito aberto.


Cada parte de si sente a magia musical

Trazendo arrepios e florescendo no deserto

De seu coração, ainda um tanto angelical.


Ela é toda superação

O gingado de sua dança une-se à essência de sua alma

Transformando-a em uma avalanche de emoções

De tão intensa, verdadeira, deslumbrante e rara

A linda moça dispensa explicações.


Ainda assim, por vezes, a tristeza surge, insistente,

E as preocupações a fazem viver com cautela,

Mas ainda que a atribulação lhe cause dor latente

A fé no amanhã sempre surge de forma singela.


Ela é toda obstinada

Expurgando os desassossegos,

Fazendo da música o seu refúgio,

Relembrando os instantes passageiros

Enquanto prepara-se para o próximo prelúdio.


Ela insiste, persiste e ressurge imponente

De um jeito sensacional

Inebriante, eloquente

Sim! Ela é toda carnaval!


Ela é toda carnaval

Com o olhar envolvente e a firmeza no caminhar

Transcendendo e acalmando as suas próprias tempestades,

São inúmeras as vezes em que precisou recomeçar

Ressurgindo como uma fênix de suas infindas adversidades.


Ela é toda musical

Com seu gingado intrínseco que segue a leveza do vento

Fazendo-a sentir em cada poro sua herança cultural,

A mulher-menina recupera o seu alento

Requebrando-se a sons de beleza atemporal.


Ela é toda carnaval

Do Axé ao Frevo, do Maracatu ao Samba

E de todos os ritmos que compõe a sua essência,

Por possuir alma de bamba

Ela encanta ao dançar com malemolência.


O amor dela é visceral

Pela vida.

Sobre a autora:

Brasileira, paulistana e formada em Letras - Tradução desde 2018, Karla Gama sempre amou escrever, porém, nunca teve coragem para expor os seus escritos por não julgá-los bons o suficiente. Até chegar o momento em que decidiu mudar de atitude e, principalmente, de pensamento: passou a acompanhar escritores experientes em busca de aprimoramento, e a publicar os seus escritos.

41 visualizações4 comentários

Posts recentes

Ver tudo

Na Caverna

 
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
  • Tumblr

©2020, Literatura Errante®, por Instituto dos Artistas Errantes.